Notícias Fecomercio

17 de maio de 2019

Faturamento do varejo cresce no Estado, mas empresário deve ter cautela e pensar em meios para estimular o consumo


PCCV de fevereiro aponta faturamento positivo para o setor, mas resultado tende a ser inferior em março por causa do feriado do Carnaval

As vendas reais calculadas em fevereiro pela Pesquisa Conjuntural do Comércio Varejista (PCCV) em todo o Estado de São Paulo cresceram 7,2% em comparação ao mesmo mês de 2018. A pesquisa é realizada mensalmente pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) com base em informações da Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo (Sefaz-SP).

Ainda que o faturamento tenha sido positivo, a Federação recomenda aos empresários que tenham cautela, pois essa alta ocorreu em virtude de o Carnaval ter ocorrido em março neste ano, o que deixou fevereiro livre de feriados e com mais dias úteis para efetivar as transações. A Entidade esclarece que esse efeito-calendário deverá ser visto também em março, quando o faturamento a ser apurado na próxima pesquisa tende a ser inferior. O ideal é que o setor varejista espere até a próxima PCCV para avaliar de forma mais clara o andamento das vendas.

O cenário é de redução na intenção de consumo e aumento da inadimplência, apontam os dados da PCCV e das demais pesquisas da Federação. Isso pode ser observado no desempenho dos setores que mais dependem de crédito, como os varejos de veículos, materiais de construção, autopeças e eletrodomésticos, que, em curto prazo, devem ter um impacto direto na deterioração da economia e no poder de compra dos consumidores. Confira a matéria completa aqui.

 

Voltar para Notícias

parceiros