Notícias Fecomercio

17 de maio de 2019

Receita aumenta teto de parcelamentos de dívidas


Limite que não era reajustado desde 2013 passou de R$ 1 milhão para R$ 5 milhões

Os contribuintes que devem até R$ 5 milhões podem parcelar os débitos com a Receita Federal. De acordo com os dados divulgados nesta quinta-feira (16) no Diário Oficial da União, o valor máximo de parcelamento ordinário foi ampliado em cinco vezes.

Antes, o limite de R$ 1 milhão não era reajustado desde 2013. O parcelamento ordinário permite que os débitos com o Fisco sejam renegociados em até 60 parcelas. No entanto, não há desconto nas multas e nos juros.

Voltar para Notícias

parceiros